quinta-feira, 31 de agosto de 2017

De Xuxa a Sasha: quando a Capricho virou CapriXo

Por: Leandro Franco
No último dia 16 de agosto, a revista Capricho divulgou a capa da edição 186 e sabe quem a estampava? Sasha! Sim, mais uma para a coleção de capas memoráveis da moça (a gente já falou disso aqui). Mas sabem por que essa é marcante? Porque ela nos faz voltar no tempo e relembrar quando Xuxa também foi capa da revista, lá em 1984...

Capricho em 2 tempos: de CapriXo a CapriSHo


It Girl x Cover Girl
A Capricho surpreendeu Sasha ao chama-la de It Girl, e se você não acompanha as publicações voltadas aos jovens de hoje, pode não se familiarizar com o termo, que nem é tão novo assim, mas só agora virou “tendência”... Aliás, é bem por aí que vamos: uma it girl  é a garota dona de um carisma, charme, inteligência, que cativa as pessoas, influenciando de modo positivo no seu modo de ser e agir. E tudo isso espontaneamente, sem ser pensado. Definitivamente Sasha é uma it girl, mas ela tem a quem puxar...


Sasha em sua primeira entrevista à publicação


Lá nos anos 80, a expressão não era usada, mas Xuxa desempenhava o papel como ninguém. No auge como modelo, mas sem perder a essência, a simplicidade (e isso não somos nós que estamos falando, embora concordemos com tudo), nossa Rainha era a cover girl mais it girl que a Capricho podia achar...

Xuxa: a Cover Girl mais It Girl de 1984


Caprichando desde 1952
Antes de mais nada, vamos entender a importância da Capricho, sobretudo após os anos 80. A revista começou a ser publicada em 1952 e foi a primeira revista feminina da Editora Abril. Inicialmente dedicada ao público feminino em geral (tinha até fotonovela!).

A edição n.1 de Capricho: um perfil totalmente diferente do que conhecemos hoje


Somente após 1981 a publicação assumiu o status de revista para as adolescentes. Nessa mesma época, sabemos, Xuxa estava no auge como modelo fotográfico e claro que a revista começou a cobiça-la para suas páginas. A capa foi só o início de tudo.

Xuxa foi capa da Capricho apenas uma vez, o suficiente para ser memorável


Garota da Capa
Xuxa estampou a capa da edição n.581, publicada em janeiro de 1984. Para que vocês tenham uma ideia de como ter Xuxa na revista era uma espécie de acontecimento, todo o processo da conversa, das fotos e dos bastidores, acabou virando um texto onde a jornalista Mônica Figueiredo deixava sua admiração pela loira florescer a cada linha. Chega a ser divertido ver uma jornalista já acostumada com celebridades se render ao carisma da Rainha de forma tão sincera.



Olha, não era pra menos... até o pneu do carro da mulher, Xuxa trocou! Leiam o relato:


Depois da jornalista, foi a vez do fotógrafo cair de amores por Xuxa. Luís Crispino fez tantas fotos que várias serviram para ilustrar a matéria. E quando dizemos “várias”, são várias mesmo: cerca de CINQUENTA (pequeninas, mas são mais de cinquenta!). Ah, se fosse sempre assim.....

Aquele momento em que as fotos são tão boas que fica difícil escolher só algumas...
A solução? Publica todas, uai

E a história de Xuxa com Crispino também não ficou por aí... sabiam que entre seus trabalhos posteriores estão o ensaio do disco “El Pequeño Mundo” (PolyGram, 1994) e algumas fotos do encarte do “Luz no meu Caminho” (Som Livre, 1995)?

Luís Crispino: fotógrafo da matéria da Capricho, 10 anos depois fez o ensaio de "El Pequeño Mundo" e, no ano seguinte, algumas fotos para o encarte de "Luz no Meu Caminho"

A revista publicou também um “perfil” de Xuxa. A Rainha não mudou muito dos seus 20 anos para os dias de hoje. Até a receitinha do mamão na pele está lá, 34 anos atrás... Já o Azzarro deu lugar ao já famoso Clean.

De garota à mulher: e pensar que há quem diga que Xuxa não é mais Xuxa

Garota de Lingerie
Combinamos de fazer mais coisas juntas, muitas fotos para Capricho. Ela adora a ideia, quer vir logo para São Paulo outra vez”... São essas as palavras de Mônica Figueiredo no encerramento da matéria de capa.  Bom, Mônica não repetiu a dose, mas Xuxa sim!
Em março de 1984, a loira foi a estrela de um ensaio de Moda Lingerie para a revista. O fotógrafo também mudou, agora são as lentes de Armando Prado que farão os registros de Xuxa numa praia do Rio. Foram publicadas ONZE fotos da loira no editorial. Já deu para perceber que a Capricho não gosta de pouca coisa, não é mesmo?






Amiga do peito
Esse mesmo ensaio de 1984 rendeu duas outras participações na Capricho. A revista publicou em agosto de 1986 uma espécie de suplemento com dicas para a saúde dos seios que vinha como brinde na edição 612. A foto da capa era uma outtake do ensaio de 1984. Comparem:

O suplemento de 1986 reaproveitou o ensaio de dois anos antes...

Em 1988, a revista publicou um novo suplemento com o mesmo tema e quem estava lá? Xuxa! A foto de capa novamente parece ser uma sobra de 1984. Cabelos molhados, topless e shortinho... muita coincidência, não?

E em 1988, mais uma vez!

Vestindo a camisa
Se na última vez, Xuxa apareceu sem camisa, agora ela vestiu a camisa, literalmente! Em agosto de 1992, a revista publicou uma foto de Xuxa na ação de marketing “Nós Vestimos a Camisa da Capricho”. Várias celebridades posaram com a camisa da revista e Xuxa, claro, não poderia ficar de fora. A foto traduzia bem aquela modelo que encantou a jornalista em 1984: simples, carismática e naturalmente linda. Xuxa posou sem maquiagem alguma...

As palavras de Mônica Figueiredo e 1984 poderiam ser a legenda para a foto de 1992:
"A Xuxa, que é uma estrela, é a simplicidade em pessoa"

A mesma campanha foi reaproveitada em 1996, quando a revista estreou um novo layout, mais moderno. Na mesma época Xuxa também ousou em um novo corte de cabelo que a deixou mais fatal.




De mãe para filha
A Capricho passa de geração para geração, afinal já são 65 anos sendo editada (hoje a revista existe somente no formato digital; a versão impressa foi extinta em julho de 2016) e pode se orgulhar disso... São raras as revistas que têm tamanha longevidade.  A melhor prova de que a publicação tem o tempo a seu favor está nesse post: Sasha sendo capa 33 anos depois de sua mãe.  Filha de It Girl, It Girl é! Excelente escolha, capricharam mesmo!




Comentários
1 Comentários

Um comentário:

Unknown disse...

Parabéns!!! Matéria linda.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...